Aguarde, carregando...

Campanha de Educação Sanitária – Aprendendo novos hábitos

Dia 18/10/2021

Em uma concepção mais geral, educação sanitária é o nome dado às práticas pedagógicas de ensino/aprendizagem que têm por objetivo induzir o público alvo a adquirir hábitos saudáveis que promovam saúde e impeçam a doença. Não existe um conceito puro de educação sanitária/ambiental, porque ela converge de áreas do conhecimento como educação, saúde, trabalho, cultura, meio ambiente e outros.

O Saneamento básico eficiente nas cidades e a educação sanitária como hábitos higiênicos praticados nas famílias estimulados na comunidade escolar e monitorados pelos agentes de saúde contribuem significativamente para barrar a transmissão de parasitos.

Acabar com as doenças significa limpar as cidades e higienizar as pessoas: acabar com as situações em que os micro-organismos nocivos ao corpo humano podem se desenvolver. Nesse sentido, as ações educativas são fundamentais, pois com elas é possível convencer as pessoas a aceitarem e participarem do controle das doenças, por meio de medidas preventivas, de profilaxia e de autocuidado, e da mudança dos hábitos e comportamentos. É assim que a educação sanitária se constituí como uma forma de controle e ordenamento social, ancorada no pressuposto de que a ignorância é a principal causa das doenças.

A educação Sanitária é um dever de todos, sendo assim, a comunidade pode ajudar a melhorar as condições do ambiente em que se vive, como por exemplo:

ü   Torne hábito as práticas higiênicas, se interesse pela saúde de seu próprio corpo, não deixando apenas para o médico, o dentista ou educador sanitário cuidar dessa parte;

ü   Não descarte lixo em rios ou nas ruas, o local correto é nas latas de lixo;

ü   Fique atento aos reservatórios do mosquito da dengue, não deixe acumular água parada;

ü   Fique atento nas suas fossas séptica, essa é a forma mais eficiente de tratar o esgoto domiciliar gerado em residências, comércios e outros;

A mudança consciente motivada por necessidades sentidas fará com que pequenos cidadãos cuidem de seu próprio corpo como também do meio em que vivem. Se cada um fizer a sua parte, poderemos contribuir para uma melhor qualidade de vida a todos.