Aguarde, carregando...

DIA DO SOLO E DIA DO PAU BRASIL

Dia 03/05/2021

Anualmente é comemorado no dia 03 de maio o dia do solo e do pau-brasil. Esta data tem por objetivo sensibilizar a sociedade para promover a consciência de que os solos são fundamentais para a sustentabilidade da vida na Terra, e relembrar a importância do pau-brasil, símbolo da exploração e da resistência da natureza.

O solo é um componente essencial do meio ambiente, cuja importância é normalmente desconsiderada e pouco valorizada. Ele é fundamental ao desenvolvimento de diversas atividades humanas, das quais podemos citar algumas principais: construção civil (fundações, telhas, tijolos, etc), tratamento de resíduos (esgoto, resíduos sólidos etc.), produção de alimentos (agropecuária), ornamentação (produção de espécies vegetais para paisagismo etc.), silvicultura (produção de madeira para móveis, residências etc.), além de inúmeras outras não comuns no dia a dia.

Além disso, tem importância fundamental no fornecimento de nutrientes para as nossas florestas e lavouras, filtragem de água, auxilia na regulação da temperatura e nas emissões dos gases de efeito estufa. Ainda, os solos das florestas e das nossas pastagens têm o potencial de contribuir para mitigar as emissões por meio do sequestro de carbono da atmosfera na forma matéria orgânica, sendo um grande reservatório global de carbono, armazenando mais carbono orgânico do que a vegetação.

No entanto, este recurso natural nem sempre são manejados de maneira adequada, causando consequentemente a degradação ambiental. O grande desafio está em preservar o meio ambiente (e o solo é parte dele), garantindo a produção de alimentos, fibras e bioenergia para uma população que cresce e se torna cada vez mais exigente em qualidade.

É necessário, portanto, desenvolver e fomentar a sensibilização das pessoas, individual e coletivamente, em relação ao solo, no âmbito de uma concepção que considere o princípio da sustentabilidade, na qual valores e atitudes de desvalorização do solo possam ser revistos e (re)construídos, e assim, gradativamente junto com a Educação Ambiental poderemos alterar o cenário atual.